ALÉM DO HORIZONTE

Deixe um comentário

Amados!

O acabamento de uma obra, é sempre a parte mais sensível e que requer maior atenção. Toda a estrutura, apesar de ser muito resistente, pode até ser bruta, irregular e até um pouco disforme, porém, o acabamento torna as linhas mais harmoniosas e dá a beleza que se espera dela.

O Planeta Terra e sua humanidade, é uma das obras mais belas do Universo. Resultado da intenção do seu Criador, tudo segue o Plano Divino, mesmo que em alguns momentos, a nossa consciência limitada, não compreenda o trabalho que está sendo feito.

A grande obra que representa o Planeta Terra, está na fase final do acabamento. Isso justifica o Final do Ciclo de Expiações e Provas, e o início de um Novo Tempo, denominado mundo de Regeneração. Estamos de fato na hora mais escura da noite, justamente aquela que antecede o raiar do dia. Ou também como diz a mensagem bíblica: “E quando tudo parecer o fim, não será propriamente o fim; será o começo de um Novo Tempo; de uma Nova Terra”.

Muitos esperam que venha um Salvador de fora. Embora a Terra tenha de fato toda a assistência dos Mundos mais evoluídos e de suas humanidades, a parte mais importante cabe à cada um, pois se estamos numa escola de almas, é o aluno que precisa mostrar que está pronto para ascensionar para um nível mais elevado.

O ser humano é uma consciência cósmica, experienciando a dualidade nesta escola. Por causa dos véus do esquecimento, não lembra das suas encarnações passadas, nem de quem ele é de fato, e nem do seu plano de alma para esta atual existência. Mas é preciso entender que ninguém está separado de suas vidas passadas.

Se você pudesse agora, neste momento, lembrar de todas as tuas centenas de encarnações precedentes, saberia exatamente o porque está passando por certas situações. Tudo é continuação, mesmo com a pausa denominada “entre vidas”, que é a fase em que a alma se liberta do corpo físico e vai para o Astral da Terra, onde pode fazer uma avaliação do seu aprendizado e um novo plano encarnatório.

Ao reencarnar, se submete novamente ao véu do esquecimento, pois é a regra desta escola de almas. Tudo aquilo que acontece no seu dia a dia, está de acordo com o seu plano de alma. Não existe acaso, nem sorte ou azar. Existe sim, sempre uma causa, e ela está intimamente ligada ao pretérito de cada um.

Se você pudesse lembrar agora das tuas vidas passadas, poderia ver como tudo se encaixa. Uma ação do passado, criou uma reação agora. Um erro lá atrás, determinou uma oportunidade agora para corrigi-lo. Uma experiência não compreendida antes, pode ser experienciada novamente nesta atual encarnação. Se assim não fosse, não haveria evolução das almas encarnadas na Terra.

As regras da Justiça Divina são simplesmente justas. Já a Justiça dos Homens, nem sempre observa os princípios éticos e morais. Os métodos muitas vezes se baseiam na interpretação de quem julga, e desta forma, tanto pode favorecer como prejudicar alguém. Já a Justiça Divina é sempre fiel aos princípios Universais, ou seja, não favorece e nem prejudica, uma vez que ela se baseia sempre na Lei de Causa e Efeito natural.

As consciências humanas estão sendo colocadas à prova agora, neste tempo de Transição Planetária. São os testes finais para avaliar aquelas que estão prontas para ascensionar, e as que ainda precisam de mais lições e aprendizado numa Escola de Expiações e Provas. Por isso, podemos colocar aqui que é chegado o tempo da separação do joio e do trigo.

Também é chegado o Tempo do Apocalipse, que nada mais é do que a revelação daquilo que estava oculto. Oculto pelos véus do esquecimento, mas que agora vai ser revelado sem máscaras. Todos os seres humanos da Terra viverão um tempo de grandes revelações e também de surpresas, tanto agradáveis como desagradáveis.

Se pudéssemos já lembrar das vidas passadas, seria mais fácil de entender o porque há pessoas que estão passando por grandes tribulações. Pessoas voltadas ao bem e que sofrem certas injustiças, quando se olha pela ótica humana e da realidade atual. Porém, se tudo segue as Leis de Causa e Efeito, se fosse possível olhar ao passado de cada um, veríamos que na verdade tudo é sempre uma continuação. Mesmo com o desencarne da alma, ela não interrompe a sequência das lições nas suas sucessivas encarnações.

Também se olharmos para o hoje, vemos que ainda há muitas pessoas praticando o mal. Atos desumanos e hediondos em todos os lugares do Planeta. Então, pelas Leis de Causa e Efeito, o que seria justo para estes delinquentes numa próxima encarnação? Obviamente, que a Justiça Divina se baseia na seguinte parábola: “À cada um, segundo suas obras”. Já foi dito aqui que nas Leis Universais não há vítima e nem algoz; há sempre a aplicação da Lei de Ação e Reação.

Colhemos daquilo que plantamos. Como disse o Cristo Jesus: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória” Ninguém pode colher na horta do outro. Também ninguém vai se esquivar de colher de seus próprios frutos cultivados. Mais uma frase bíblica: “Não faça aos outros aquilo que não queres que te façam, pois o fazendo, é a você mesmo que o farás.” Isso também mostra mais uma vez que ninguém é vítima e nem algoz. É sim, sempre o produto de si mesmo.

As tribulações do Final deste Ciclo Planetário, estão visíveis mais do que nunca. Precisamos nos fortalecer na fé e na confiança do Plano Divino para a humanidade. A hora mais escura da noite também vai passar e um novo dia surgirá além do horizonte.

Ninguém vai passar por aquilo que não precisa passar. Ninguém vai desencarnar antes da hora, estipulada em seu próprio plano encarnatório. Ninguém vai pagar pelas escolhas dos outros. Mas há sempre um aprendizado e uma razão para cada situação enfrentada.

São as últimas lições antes da sabatina final. Estamos sendo testados a fim de avaliar quem está de fato pronto e habilitado para subir para um nível mais elevado dentro desta escola, que agora também passa para um grau superior. Não podemos saber ainda quais lições nos são necessárias para obter o salvo conduto para a Nova Terra. Porém, agir sempre com a intenção no bem comum, dentro de um tripé já colocado aqui tantas vezes, AMOR INCONDICIONAL, COMPAIXÃO E RESPEITO, certamente nos habilitará.

Além do horizonte existe um tesouro. Ele é teu. Basta apenas que você vá lá pegá-lo. O único obstáculo é um Portal que precisa ser aberto. A chave que pode abri-lo, é a tua consciência. A senha é a frequência dessa consciência. E a frequência está baseada no tripé mencionado no parágrafo anterior. Você não depende de ninguém para conseguir, e isso é o mais importante. Quando você entender tudo isso, nada e ninguém poderá impedi-lo de ascensionar, para um nível superior de consciência, ou seja, para um Novo Tempo. Uma Nova Realidade, uma Nova Linha de Tempo e um novo porvir, está bem perto de você! Está além da Linha do Horizonte! Não se apegue ao que vai deixar de existir em breve. E lembre-se: você é uma consciência; não um corpo como parece.

Eu sou Vital Frosi e minha missão é o esclarecimento!

Namastê!

adavai@me.comhttp://www.adavai.wordpress.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.