LEMBRETE IMPORTANTE:

Deixe um comentário

17/10/2022

Examine aí dentro e veja quantos “nãos” você deixou de dizer para contemporizar.

Quantas vezes você se pôs de lado, se desvalorizando ao negar o que sente para ser polido socialmente, se obrigando a fazer o que não gosta e não quer?

O que você ganhou agindo assim? Valeu a pena se perder de si mesmo para atender aos outros?

Você tem coragem de abdicar do status de “bonzinho” para assumir o que sente, de verdade?

Respeite o que sente porque o mundo lhe trata como você se trata.

Muitas vezes, ao dizermos “não” para os outros, estamos dizendo “sim” para nós mesmos.

Não confunda ser generoso com ser “bonzinho”.

O “bonzinho” faz por obrigação, por receio de ser malvisto, por medo de ser rejeitado. O “bonzinho” faz pensando na reação do outro. O generoso faz porque segue o seu coração que disse “sim” para aquela determinada pessoa naquela determinada situação. O generoso faz porque se realiza fazendo e não depende da reação do outro. Sua ajuda é algo entre ele e Deus, somente.

O seu “sim” e o seu “não” precisam vir do que você sente. O que você sente é sempre a verdade da sua alma. Essa é a única orientação segura para a sua vida. Seja generoso, seu coração vai lhe apontar para quem, quando e porque. Mas tenha coragem de dizer “não” para tudo que não brota do seu coração.

Ser verdadeiro assumindo o que sente é um passo importante para a conquista de uma auto-estima positiva e bem estruturada.

Meire Espirito Santo

(Por @despertarodivino)

adavai@me.comhttp://www.adavai.wordpress.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.