SER UM TRABALHADOR DA LUZ

Deixe um comentário

(Mensagem de Jeshua canalizada por Pamela Kribbe em 08/04/2021)

Fonte: https://www.jeshua.net/channelings/mornings-with-jeshua/being-a-lightworker/

Queridos amigos, eu sou Jeshua. Saúdo-os de coração. Sinto uma grande alegria em me conectar com cada um de vocês aqui e agora. Sintam como espaço e tempo desaparecem, como nos encontramos, alma com alma, em uma dimensão além do material, além das definições de espaço e tempo. Nós nos encontramos no nível interno, e eu os convido a estar aqui comigo. 

Vocês são infinitamente valiosos; cada um de vocês, do jeito que é, aqui e agora, com as qualidades particulares que possui, o corpo em que habita, a personalidade que lhe pertence. Mas dentro dessas particularidades do seu “eu” existe algo mais, algo que transcende tudo isso: é a sua alma. Sinta a sua alma, que também está participando de outras realidades e cuja consciência se estende muito além do terreno, mas que ainda quer estar aqui na Terra por seu intermédio. Sinta, por um instante, a sua alma como um campo ao seu redor e tome consciência desse campo.

Entre o nível terreno e o celeste, existem todos os tipos de níveis de materialidade – alguns muito rarefeitos e etéreos, e outros bem visíveis e tangíveis. Sinta seu corpo por dentro. Seu corpo é feito de elementos materiais da Terra, portanto sinta o quanto ele é sólido e tangível; sinta a presença física e imediata dele. 

É importante vivenciar seu corpo como um porto, como alguma coisa na qual sua alma pode viver e na qual você está seguro. Receba seu corpo alegremente e sem julgá-lo em termos de saúde ou doença, beleza ou autoimagem… receba-o puramente como o porto seguro através do qual a sua alma flui e é ancorada. Veja seu corpo como parte da sua alma; não simplesmente como uma coisa separada de você, mas iluminado e animado pela sua alma. Ao perceber seu corpo conscientemente, você se sente mais leve e parece tornar-se mais fluido. Você não é apenas seu corpo; ele é uma parte de você. 

Ao aceitar o que o seu corpo realiza, a partir de uma postura de gentileza e admiração, e apreciar tudo o que ele faz por você por meio de sensações e energias, você o eleva do nível simplesmente material a um nível mais etéreo. E o corpo fica mais feliz graças a isso! A Matéria deseja ser iluminada pela consciência, pelo amor. 

Imagine que você se torna consciente de todas as células do seu corpo e as cumprimenta com ternura. Em seguida, conscientize-se de quem está fazendo isso, quem está olhando para o corpo e recebendo-o com ternura e apreciação. Sinta essa consciência – é a sua alma! Conscientize-se de que sua alma é muito maior do que seu corpo. Você enxerga alguma cor ou sente alguma energia quando faz isso? 

Mova agora sua atenção do seu corpo para sua alma. Mas continue mantendo seu corpo envolvido em amor, enquanto se torna sua alma. Sinta aquelas outras dimensões que você é, aquelas que vibram em um nível de existência diferente do físico. Talvez você possa se ver como uma esfera de luz, ou como um anjo. Permita que surja uma forma que combine com você, que represente sua alma, esse grande campo rico em experiências de muitas vidas – a sabedoria que você carrega dentro de si, a profundidade dos seus sentimentos. Invoque tudo isso e deixe que a figura da sua alma apareça diante de você, e aprecie-a. 

Lembre-se quem você é. Lembre-se da grandiosidade disso. Reconheça essa figura e permita que ela entre no aqui e agora; deixe essa energia fluir até seu coração. Energeticamente, o coração é a porta entre a alma e o corpo, e se você permitir que a energia da sua alma penetre sua aura ou campo energético, repare que você se torna mais expandido e ocupa mais espaço. Deixe que isso aconteça, mas não se preocupe, pois você não estará limitando ninguém ao fazer isso. Pelo contrário! Quando seu campo energético – seu corpo e seu ser – é preenchido com a luz da sua alma, você se torna uma alegria e inspiração para os outros. Esta não é uma energia competitiva, mas uma energia que deseja inspirar e despertar; uma energia que sente prazer se outros fizerem o mesmo também.

Quando sua alma se une ao seu corpo, e esse nível muito sutil e etéreo se conecta com o nível mundano, perceba como essa conexão pode ser traduzida de formas práticas. Saiba que, na vida diária, é muito importante manter-se em contato com essa realidade, essa vibração, essa sua parte mais elevada, e permitir que essa energia literalmente desça e funda-se com seu corpo no nível terreno, físico. 

O próximo passo é permitir que essa inspiração, essa conexão com seu Eu Superior, flua para as suas ações e para o mundo de forma prática. Entretanto, quando você tenta fazer isto, pode acontecer o seguinte: algumas partes suas – as que são altamente desenvolvidas e desejam acompanhar a vibração das esferas celestes – querem se conectar com sua alma; mas outras partes suas se assustam, quando se trata de estabelecer essa energia na Terra e no meio das pessoas, pois percebem que, no mundo ao seu redor, raramente há muita aceitação para essa energia deslumbrante e única da alma.

Observe as áreas de trabalho, educação e medicina na Terra, e verá que os conceitos que as governam estão ligados a estruturas e teorias planejadas com base no mental e racional. Geralmente, a única coisa que se leva em consideração é o nível material, uma ideia triste e árida do que seja o ser humano. Tudo gira em torno de quanto a vida é perigosa, da sobrevivência, da luta e divisão de recursos como dinheiro, poder e abundância. As doenças são consideradas perigosas e, portanto, precisam ser contidas; e até a própria vida é vista como um fluxo que deve ser domado – então, nesse nível, há luta. Emoções e sentimentos fortes, bem como inspirações e visões profundas, são frequentemente descartados como estranhos, esquisitos ou histéricos.

Na sua sociedade, desde as bases até o topo, há uma grande necessidade de inspiração vinda de indivíduos singulares, que vivem a partir de um fogo interior e que não mais conseguem se adaptar à ordem reinante, porque essa ordem não se ajusta mais às suas necessidades. Cada vez mais pessoas estão se sentindo literalmente sufocadas pela estrutura existente; elas não conseguem mais suportá-la. Você pode observar isso especialmente nas gerações de crianças que estão surgindo na Terra agora. Elas não conseguem mais tolerar esse tipo de existência sufocante, mesmo no nível físico. Elas não podem ser colocadas em uma camisa de força, como as gerações mais antigas conseguiam fazer. 

Deste modo, a mudança ocorre na Terra nos aspectos em que se torna cada vez mais necessário integrar a energia da alma à vida. Não é mais um luxo aprofundar essa energia através de meditação e de uma vida espiritualizada. Não. É missão e vocação de cada ser humano conectar-se com sua alma e começar a viver com base na sua verdade interior, porque a outra opção não é mais viável. Em um nível individual, as pessoas tornam-se esgotadas ou frustradas, descontentes ou deprimidas; e, em um nível geral, social, o resultado são problemas profundos para lidar com a natureza e com os recursos da Mãe Terra. Agora está claro, sob todos os aspectos, que é preciso começar a viver de forma diferente, a partir de uma fonte que não pode ser definida pelo puramente material.

A matéria e o material têm um valor importante. É a forma pela qual a alma quer se expressar. Mas se a vida se fixar apenas nas formas – no aspecto externo – as formas se empobrecem e a vida se torna uma luta na qual ninguém experimentará sentido ou significado. É por isto que acolher a alma em sua vida não pode ser um ato extraordinário, mas deve ser um ato comum – uma parte normal, cotidiana, da educação e da vida. Assim a alma torna-se a fonte de criatividade e abundância infinitas que cada vez mais pessoas de todos os níveis almejam agora.

Você se torna um Trabalhador da Luz, quando sente a necessidade de agir e viver a partir da sua alma, do seu coração e de tudo que realmente o inspira. Você se torna um Trabalhador da Luz quando vive daquilo que o eleva acima da banalidade de ter que lutar e sobreviver, em vez de ter medo e fingir ser alguém que não é.

Você pode chamar isto de “ser um Trabalhador da Luz”, ou de qualquer outro nome da sua preferência, mas o que importa é que, como ser humano, você se sente tão fortemente chamado a responder à voz da sua alma, que não consegue mais deixar de fazê-lo – você sabe que não mais conseguirá se adaptar à velha forma de ser. Isto significa que você faz a transição para uma consciência baseada no coração, que dá um passo decisivo adiante, a partir do qual não pode voltar atrás. 

Ao mesmo tempo em que é impulsionado por uma consciência conduzida pelo coração, você passa também por altos e baixos na sua vida, porque há momentos em que enfrenta medos profundos de se desapegar do que é antigo. O antigo pode ser extremamente perturbador, mas, por outro lado, ainda pode haver um enorme medo do novo, do indefinido, do que é incerto. Às vezes, a inspiração, os pensamentos e ideias, que você recebe da essência da sua alma, parecem ser esmagados por aquele antigo modo de ver e raciocinar, que ainda prevalece em muitas partes da sociedade.

Como você pode dar forma à voz da sua alma e manter-se fiel a ela no seu dia a dia? Sentindo o poder da sua alma! Literalmente, sentindo-o fluir por você. Sinta como a Terra e a vida na Terra anseiam por inspiração. No momento que você escolhe esse caminho interior de fazer conexão com a sua alma, você está realmente sendo fiel a si mesmo e ousando ser diferente em um ambiente onde a voz da alma ainda não é ouvida. Quando sente que ouviu a voz da sua alma, isto não quer dizer que você seja melhor do que qualquer outra pessoa. Você simplesmente sabe que está no caminho que, para você, é a sua vocação mais profunda; o caminho do qual você não pode desviar-se. É um caminho no qual você precisa continuar acreditando, mesmo quando é julgado e rejeitado por fatores externos, ou por vozes internas que você absorveu de seus pais ou do seu ambiente. 

Peço-lhe que sinta o poder da sua alma e perceba a fraqueza da vida baseada no medo, na luta, e em se esconder. Ao se esconder do brilho, poder e criatividade da sua alma, você se torna infeliz. Mas você não pode mais voltar ao padrão antigo, porque não se ajusta mais a ele! Portanto, você só pode seguir em frente. Lembre-se dessa voz repetidamente, e ouse permitir que sua luz brilhe. Isto você faz da maneira mais simples, através do que diz, através do que você é, através do que emana.

Tudo possui uma vibração. Um corpo no qual se estabelece um contato regular com a alma, com a origem que o vivifica e anima, tem uma vibração diferente de um corpo atormentado pelo medo ou sentimentos negativos. Se você se sente confortável consigo mesmo, se você se valoriza pelo que é – por sua origem, sua singularidade – isto se irradia para os outros, mesmo que você não lhes diga nada. O que você é e o que você transmite com seus olhos e campo energético serão vistos de qualquer maneira, onde quer que você esteja. Na verdade, você não pode ficar invisível nunca, pois sua energia está aí, e não pode ser desfeita. 

Quanto mais ousar tocar seu ser terreno com sua alma, mais impacto externo ele terá, e você viverá de um modo diferente; não mais apegado a coisas que não o nutrem ou não combinam com você. Você se tornará mais poderoso, tanto em relação ao que quer quanto ao que não quer. Sua alma tornar-se-á mais visível para o mundo exterior, e graças a isto, sua luz brilhará mais intensamente. Esteja sempre ciente de que essa luz incentiva outras pessoas a acreditarem em si mesmas e, inclusive, a começarem a irradiar sua própria singularidade. A luz da sua alma não é competitiva nem combativa. 

Finalmente, observe uma situação da sua vida diária, na qual você sente que retém sua luz interior, na qual você se mantém na retaguarda e não se permite ser visto. O que aconteceria se você permitisse que sua luz fosse vista? Se você estivesse completamente relaxado na situação e não escondesse sua luz? Se você não se reprimisse, mas se permitisse ser mais espontâneo? O que você diria e faria? Perceba que, se permitir que a energia da sua alma penetre seu aspecto humano, você expressará seus sentimentos em uma linguagem simples e honesta, e isto nem sempre é considerado “politicamente correto”. 

Às vezes lhe ocorre este tipo de sentimento espontaneamente: “Não, não estou com vontade! Não quero fazer isto” É muito importante expressar estes sentimentos em relação aos outros e deixar bem claro onde estão os seus limites. A energia da alma funciona de acordo com sua própria natureza, assim como sua criança interior, que tem sentimentos claros a respeito do que ela quer e do que não quer. Quando você permite que essa vibração mais elevada, essa energia rarefeita, se manifeste, você se torna muito humano, você utiliza a linguagem das suas emoções, da sua criança interior. 

Você confia nisso? Essa energia vem de dentro de você; ela é real! Então você se torna espontâneo, no sentido mais puro da palavra, porque está atento aos seus sentimentos e expressando-os. E quando faz isto, você dá espaço à outra pessoa para expressar seus próprios sentimentos também, enquanto você se mantém fiel a si mesmo; não aceitando ser encaixado em um molde que não se ajusta a você. 

O desejo mais profundo da sua alma é estar aqui e agora por meio do seu corpo terreno, e expressar-se e ser visível por meio de tudo o que é terreno. Sua alma deseja abraçar a vida terrena, fazer dela algo prazeroso e novo, e irradiar centelhas de consciência na Terra. Isto pode ser uma fonte de alegria e, embora você também possa passar por medos que o prejudiquem, dê sempre um passo à frente – atreva-se a fazê-lo! Na verdade, você não pode voltar atrás. Quando vivencia o poder da sua alma na sua vida diária, você sente essencialmente que está sendo levado adiante. A luz quer se expressar e sabe como… se você ousar dizer “sim” a ela.  

Obrigado por sua presença e por este “estar juntos”, que eu sinto no fundo do meu coração.


© Pamela Kribbe www.jeshua.net 

Tradução de Vera Correa 
veracorrea46@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.