A MENSAGEM DA LUA CHEIA – 11/04/17

Deixe um comentário

(Simon & Jennifer)

O INVISÍVEL SE TORNOU VISÍVEL

À medida que a maré movimenta o oceano, os efeitos do invisível se tornam visíveis. Nossas emoções são essa mesma energia – a energia da própria vida – nos movendo assim como fazem os oceanos. E assim, é por meio do corpo emocional que estamos evoluindo a cada momento. As correntes energéticas estão atualmente incitando profundas ondas em nosso ser, que estão nos levando a curar nossos relacionamentos com nós mesmos e, então, em realidade, com os demais. Essa cura vem não só por atos estimulantes de amor próprio, mas também por nos conscientizarmos da relação que mantemos com a nossa dor.

Como seres humanos, nossos traumas e ocorrências emocionais dolorosas tornam-se cristalizados com o tempo, envoltos e protegidos, depois deixados para ser processados a partir de outro lugar emocional, em outro momento de nossa trajetória, com o benefício da reflexão objetiva. Mas essas feridas não desaparecem, apenas ficam lá esperando para vir à tona – aguardando ser reconhecidas e curadas. Muitas vezes isso acontece por intermédio de nossas interações com as outras pessoas, que sem saber mexem em nossas feridas, que por sua vez surgem e irradiam sua energia que não está curada. Frequentemente, ofuscados pela experiência emocional, deixamos de reconhecer a ferida original que provocou a dor, e então projetamos a severidade dessa experiência passada nos outros, no presente, como uma forma de nos proteger da experiência nuclear, que podemos não estar prontos para encarar. Mas, é preciso energia para carregar esse peso em nossa alma, e, em última análise, não estamos nos protegendo dessa experiência, estamos apenas adiando enfrentá-la e curá-la em detrimento de nós mesmos e dos demais.

Os atuais alinhamentos astrológicos e as energias que eles refletem estão nos fornecendo os gatilhos de que precisamos, para nossa ajudar a nos conscientizar e curar esses nossos aspectos feridos; remodelar as crenças que constituímos para protegê-los, encontrar meios de integrar a consciência obtida dessas experiências e expandir nossa percepção acerca da natureza da vida e da realidade. Aquilo que certa vez era invisível está se tornando visível. Então, conforme obtemos discernimento de nós mesmos, somos capazes de voltar essa visão para o nosso interior, utilizando nossos insights para ajudar a mitigar o sofrimento das outras pessoas e manter o espaço para que elas experimentem e curem sua dor – de modo que elas, por sua vez, possam fazer o mesmo pelos outros.

Assim, os efeitos de nossa cura interna pode fazer uma profunda diferença para o mundo, não por meio de gestos grandiosos, mas devido ao efeito cascata que produzimos, por sermos uma pura expressão das marés invisíveis que se movem por nosso intermédio e nos levam através dessa mudança evolutiva da consciência humana.

Imaginem um mundo em que todos integramos conscientemente nossos eus inconscientes – um mundo regido pelo desenvolvimento pessoal e conscientização. Esse é um mundo em que verdadeiramente vamos poder experimentar a nossa diversidade, e celebrar cada um de nós como expressões singulares da Fonte que somos.

Desde os menores até os maiores desafios que cada um individualmente enfrenta, os superamos um dia de cada vez, uma escolha de cada vez, ao integrarmos nossos valores internos ao mundo que nos rodeia. Para alcançar isso, devemos nos tornar um exemplo ambulante da mudança – uma expressão da própria verdade interior, impulsionados pelas marés da evolução.

Bênçãos,

Simon & Jennifer.

Tradução de Ivete Brito – http://www.adavai.wordpress.comadavai@me.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s