MENSAGEM DA LUA CHEIA – 17/09/16

1 Comentário

(Simon & Jennifer)

Tudo no universo consiste em polaridades do yin e yang; feminino e masculino. A energia feminina da aceitação, sustento e destino está em uma dança constante com a energia masculina da determinação, progresso e força de vontade. Essas polaridades são a base de tudo: a divisão do átomo. A dança entre essas energias é sempre o que estamos vivenciando, e o equilíbrio, a harmonia e o fluxo é sempre aquilo que estamos buscando.

O equilíbrio não consegue suavizar as energias para fundi-las em uma, nem encontrar um meio termo e permanecer aí; consegue acolher a dança, ao incorporar totalmente cada energia individual, quando invocada, e fazer isso com confiança.

Há um tempo para a ação e o esforço e um tempo para a aceitação e a quietude – um tempo para a comunicação e um tempo para o silêncio. O equilíbrio entre essas polaridades é o que estamos aprendendo, para reagir de maneira correta e sincera a cada situação, com que somos confrontados. A dádiva da sabedoria para conhecer a diferença é o que nos é apresentado neste ponto, mas à medida que somos desafiados com as situações que exigem abordagens opostas, tudo pode parecer incrivelmente avassalador. Estamos aprendendo a viver em harmonia com as forças universais, e não há alternativa senão as experimentar e interpretar, porque vamos acolher as correntes, seja voluntariamente seja sendo empurrados e puxados por elas.

Prestem atenção cuidadosa ao que cada situação está lhes solicitando. É um momento que exige receptividade ou reação?

Conforme aprendemos a dança do universo, é natural nos mover quando deveríamos nos retrair, e vice-versa. Estamos propensos a nos chocar mutuamente e pisar nos pés uns dos outros, enquanto aprendemos por tentativa e erro a navegar nessas novas águas. Não existem verdades definitivas para se aplicar a todas as situações, visto que tudo está constantemente mudando e se movimentando. A lição aqui não se refere ao conhecimento, mas ao sentimento quanto ao caminho a seguir.

Uma vez que aprendamos a lidar com o fluxo, podemos adotar um estilo livre – então, saberemos realmente o que é estar vivo! Por enquanto, é o momento de sair de sua cabeça e entrar no fluxo!

Bênçãos,

Simon & Jennifer

Tradução: Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com

 

Anúncios

Um comentário sobre “MENSAGEM DA LUA CHEIA – 17/09/16

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s