PAZ, ESTABILIDADE E POLARIDADES-8/4/14

Deixe um comentário

(Por Sarah Varcas)

Nodo Norte em Libra, de Fevereiro de 2014 a Novembro de 2015

O Nodo Norte indica a direção na qual devemos avançar para realizar nosso potencial. Ele fica aproximadamente um ano e meio em cada signo, e sua mudança para o seguinte estabelece o tom do impulso do desenvolvimento coletivo nos próximos 18 meses ou mais. Em Libra ele lança sua luz sobre nossos relacionamentos e sobre as formas em que promovemos ou não harmonia em nossa vida e na vida daqueles que nos rodeiam. Nodo Norte em Libra nos lembra que não podemos evitar outras pessoas, nem podemos nos acomodar totalmente a elas; mas que devemos trabalhar para encontrar um ponto de equilíbrio no qual possamos dar e receber conforme o necessário para possibilitar o progresso no campo dos relacionamentos e entendimento humanos.

 No momento em que o Nodo Norte entrou em Libra, a Lua e Marte também estavam no signo da balança. Há um desafio inerente aqui: como é possível avançarmos em unidade, se cada um de nós tem seus próprios pensamentos, sentimentos, metas, aspirações e medos pessoais que alimentam sua vida dia após dia? Como encontrar um meio termo, onde possamos conhecer outros num espírito de abertura e honestidade, apesar das diferenças, da concorrência e desconfiança, que os seres humanos são especialistas em perpetuar? A resposta se encontra nos domínios do Nodo Norte em Áries (signo oposto a Libra), o qual nos faz lembrar que um ego saudável é aquele que consegue manter sua individualidade, ao mesmo tempo em que acata o valor essencial dos outros, apesar das inúmeras camadas de diferenças que ameaçam dividir-nos.

 Existem muitas pessoas que vão atrás, lutam pelo que querem, e fazem de tudo para atingir suas metas; e existem muitas inclinadas a desistir em favor de outros, deixar que estes ditem as regras, e que acomodam suas necessidades na tentativa de serem amadas ou apreciadas e, consequentemente, se sentirem seguras. Existem algumas poucas pessoas que conseguem fazer ambas as coisas, de acordo com o que possa trazer um resultado melhor e mais elevado no momento. Tendemos a ser bastante polarizados nesta questão, mas estes meses nos apresentam a oportunidade de observar nossas próprias atitudes e ver o que realmente está ocorrendo em nossos relacionamentos.

 Pois as coisas talvez não sejam exatamente como parecem!… Pode ser que nos vejamos como seres amorosos, caridosos, empáticos, solidários com os outros, quando de fato estamos lhes dando tudo o que eles querem porque o que desejamos é nos tornar indispensáveis; estamos tentando suprir nossas próprias necessidades satisfazendo as dos outros. Neste caso, se descobrimos que não somos indispensáveis, caímos no papel de mártir: “Eu fiz tudo por você e olha como você me trata agora!”. Na verdade, ficamos bravos e magoados porque a outra pessoa não cumpriu o que acreditávamos ser o dever dela: precisar de nós e nos valorizar o quanto nós necessitamos!

Do mesmo modo, podemos nos ver como seres totalmente independentes, sem necessidade de coisa alguma nem de ninguém, fazendo nossas próprias coisas e atingindo nossos próprios objetivos. No entanto, nosso comportamento é, na verdade, uma forma de evitar a vulnerabilidade de um relacionamento. E a coragem que acreditamos estar exibindo é apenas uma fina camada que esconde a ansiedade profunda provocada pela intimidade e envolvimento emocional. A coragem verdadeira, quando estamos vivenciando essa extremidade do espectro, seria baixar a guarda, abrir o coração para outra pessoa e cavalgar as ondas imprevisíveis do relacionamento por um tempo.

 Quando se trata do mundo intrincado da conexão e intimidade, existem tantas influências e dinâmicas, que podemos ficar perdidos naquilo que supúnhamos que viria naturalmente. Mas relacionamentos nem sempre acontecem naturalmente e está na hora de considerarmos por que é assim e o que podemos fazer a respeito disso. Quando o Nodo Norte está em Libra, ele nos faz lembrar que as ligações emocionais que se desenvolvem entre nós e outra pessoa proporcionam visões do nosso mundo interior, bem como visões do mundo interior dessa outra pessoa. Portanto, ao atravessarmos o terreno do relacionamento, é importante olharmos para dentro tanto quanto para fora de nós mesmos. Se observarmos padrões repetidos em nosso contato com outros, é possível que tenhamos que aceitar que nós somos o denominador comum e, sendo assim, é bem provável que tenhamos o poder de mudar alguma coisa para melhor. Se descobrirmos que nossa interpretação do comportamento e ações dos outros tem sempre algo em comum, independentemente de quem eles sejam, então provavelmente teremos que refletir sobre os significados pessoais que estamos projetando para o mundo à nossa volta. Da mesma forma, pode ser o momento de oferecermos a um ente querido algumas observações sinceras e autênticas sobre o que percebemos que ele está fazendo em seus próprios relacionamentos.

 Este pode ser um tema delicado, do qual geralmente fugimos, mas enquanto o Nodo Norte estiver em Libra, teremos a oportunidade de refletir profundamente sobre relacionamentos e receber as inúmeras bênçãos que esta reflexão pode nos oferecer: mais autoconhecimento, maior empatia, mais paciência, mais coragem e um sentido mais forte de identidade diante das exigências dos outros. E muito mais… O Nodo Norte em Libra não tem a ver com ser pacífico, mas com descobrir as polaridades em nossa vida que, quando reveladas, poderão nos permitir alcançar um sentido maior de equilíbrio e estabilidade em meio ao turbilhão das interações humanas. Às vezes fazer isto não é nada agradável, mas a longo prazo isso nos permite interagir com o mundo à nossa volta a partir de uma condição de compaixão, franqueza e autenticidade que, afinal, é o maior desafio que todos nós enfrentamos neste período crítico da história do nosso planeta e de tudo o que nele habita.

 Sarah Varcas

 Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

© Sarah Varcas. Todos os direitos reservados. É dada permissão para compartilhar livremente este artigo em sua totalidade, desde que seja dado todo crédito ao autor. E que seja citado o site onde este texto é oferecido gratuitamente:

www.astro-awakenings.co.uk. –  http://astro-awakenings.co.uk/blog

Ao encaminhar esta mensagem, por favor:

1. Apague o meu e-mail e o meu nome.
2. Apague também os endereços dos amigos antes de reenviar.
3. Encaminhe como cópia oculta (Cco ou Bcc) aos SEUS destinatários.
Agindo sempre assim dificultaremos a disseminação de vírus, spams e banners. Obrigada!