A QUIETUDE ESPERA

Deixe um comentário

15 de Agosto de 2013: Aproximando-nos da Lua Azul

Sarah Varcas

Fonte: http://astro-awakenings.co.uk/15th-august-2013-approaching-the-blue-moon

 

Enquanto caminharmos da Lua Crescente de ontem para a Lua Azul em Aquário da semana que vem, nosso maior desafio é permanecer centrados em contato com a quietude que existe em nossos corações. Há muitas maneiras de nos distrairmos e nos afastarmos dessa quietude pela promessa de sucesso ou o medo de falhar; por alguma emoção poderosa ou sensação sedutora; pelas ameaças à nossa própria paz e bem-estar vindos do mundo exterior. Na vida moderna, parece que viajamos para tão longe deste local dentro de nós mesmos, que a busca do caminho de volta pode ser o trabalho de uma vida inteira ou mais. No entanto… a quietude espera, batendo suavemente seu coração, eternamente nos chamando de volta ao lar. Ela nunca desiste; nunca nos descarta; apenas espera, pronta para nos abraçar a qualquer momento que nos voltemos para ela, exalando tudo que ficava entre nós e ela e liberando tudo que nos mantinha presos aos dramas do mundo de todo dia.

Agora é a hora de nos voltarmos para essa quietude, relaxando, entregando-nos e entregando nossos pensamentos e sentimentos a ela. Não importa quanto aparentemente nos afastamos dela, pois, na verdade, ela está aqui, agora, em qualquer momento. Não é necessária nenhuma viagem. Bem pelo contrário! De fato, a chave é parar de viajar, sair do movimento e entrar no olho do furacão, que é eternamente imóvel e tranquilo. Independentemente dos detritos emocionais que possam estar girando ao redor de nós, independentemente do tamanho dos escombros dos quais precisamos nos esquivar no nosso cotidiano, sempre podemos – nem que seja por um só instante, um único segundo – entrar na quietude e apenas ser; não pensando em nada, não julgando nada, não planejando nem temendo nada. Simplesmente aqui, agora, respirando, sendo, no silêncio.

O silêncio está nos chamando agora, mas do que nunca. Ele nos lembra que nas suas profundezas vivem todas as respostas que sempre procuramos, toda a força que sempre precisamos e toda a sabedoria que já foi manifestada. A quietude nos conecta a tudo: passado, presente e futuro. É o caldeirão da consciência do qual todos nós nascemos como centelhas individuais do Divino. É você e eu na nossa forma mais pura: quietude e luz. É onde todos nós nos encontramos, despidos da nossa individualidade, vestidos apenas com aquilo que nos conecta como uma rede através do tempo e do espaço.

Ao nos aproximarmos da próxima Lua Azul, podem surgir tensões. Fragmentos de energias e suscetibilidade estarão em alta. Mas nada disto precisa nos impedir de nos conectarmos nessa quietude – você e eu, todo mundo se unindo num lugar de silêncio que podemos encontrar dentro de nós mesmos, para nos conectarmos uns com os outros.

“Lembre-se…” – os céus dizem hoje a todos e cada um de nós – “… não importa o que esteja acontecendo ao seu redor e dentro de você, no âmago do seu ser você é Quietude, você é Luz, você é Amor, você é Sabedoria. Estas não são qualidades que você tem; elas são o que você é. Elas são sua própria essência. E esta essência está chamando-o ao lar.”

Envio muito amor a todos vocês hoje e espero encontrá-los na Quietude.

Sarah Varcas

Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

© Sarah Varcas. Todos os direitos reservados. É dada permissão para compartilhar livremente este artigo em sua totalidade, desde que seja dado todo crédito ao autor. E que seja citado o site onde este texto é oferecido gratuitamente.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.